O Município

Dados do município.

Dados do município/localização

Fundação: 15/09/1956
Emancipação Política: 15 DE SETEMBRO DE 1956
Gentílico: BAIXIENSE
Unidade Federatíva: CEARÁ
Mesoregião: CENTRO-SUL CEARENS
Microregião: LAVRAS DA MANGABEIRA
Distância para a capital: 415,00

Dados de características geográficas

Área: 146.442,00
População estimada: 6196
Densidade: 42,30
Altitude: 279
Clima: TROPICAL QUENTE SEMIÁRIDO.
Fuso Horário: UTC-3
O topônimo Baixio vem do português e foi dado a este município devido a acidentes geográficos da região caracterizados por áreas inundadas e submersas.



FONTE:
WIKIPÉDIA.
Localizado na região onde antes habitavam os índios kariri,[6] este surge como núcleo urbano a partir de uma fazenda de gado do coronel Liberalino de Carvalho, e com a abertura do ramal da estrada de ferro da Rede de Viação Cearense para o estado da Paraíba no século XX, desta forma consolidando-se na época como centro urbano mais populoso na região.[7] Durante muito tempo teve sua economia impulsionada pela grande safra de algodão mas, devido a proliferação do bicudo por volta da década de 1970, esse cultivo praticamente extinguiu-se.


FONTE:
WIKIPÉDIA.
Os principais eventos são
Carnaval (fevereiro);
Paixão de Cristo (Grupo de Teatro Renascendo Para Arte-Diretor/produtor:Leomai Alves - (Sexta feira da semana santa);
Baixio Festeiro - Forró e quadrilhas locais -Junina Forroxeira Diretor: Leomai Alves (Junho)
Junina Ritmo Quente. Diretor: Emeilson Ribeiro
Semana do Município (setembro);
Festa do Padroeiro São Francisco (de 27 de setembro a 4 de outubro);
Natal de Luz (Dezembro).



FONTE:
WIKIPÉDIA.
Sua primeira denominação foi Baixio, porém, com a transferência de sua sede possou a ser chamada de Umari, e com mais uma mudança de sede passou a ser chamada de Alagoinha (hoje denominada de Ipaumirim) e, desde 1932, novamente Baixio.
Pluviometria média de 888,7 mm[8] com chuvas concentradas de janeiro a abril[9].Os principais riachos são: Caio Prado e Pendência, afluentes do Rio Salgado. A Barragem do Jenipapeiro Construída pelo Governo do Estado do Ceará, com capacidade para 43 400 000 m³, será a principal fonte de água dos municípios de Umari, Baixio e Ipaumirim, está localizada, 97% nos Sítio Jenipapeiro e Lagoa Tapada, do município de Umari, e, 3% no Sítio Xique-xique município de Baixio e teve sua obra concluída em Novembro de 2011.



FONTE:
WIKIPÉDIA.

Hino de Baixio

O ouro branco
O algodão
Plantando no solo a semente
Jubilosos contemplando o Sol nascente
Da nossa querida nação

Terra de trabalho e esperança
Seu lema é saúde, educação
A pátria com civismo e confiança
Devemos nossa colaboração

15 de Setembro é a fundação
E o Brasil, jamais esquecerá
Quando estendermos nossas mãos
Para engrandecer o Ceará

Baixio, oh meu Baixio
Semeando o progresso, a semente
De mãos dadas sobre o Sol nascente
Da nossa querida nação

Nossa bandeira querida
Nos campos é todo ardor
És um símbolo de vida
De altives e de amor

Brasão


Bandeira de Baixio


NOTÍCIAS

#Cultura | 24 DE JANEIRO DE 2022

O curso teve a duração de uma semana e atendeu o público de 45 mulheres com o apoio da Escola Estadual Monsenhor Horácio Teixeira na pessoa da diretora Vanda Medeiros

#Educação | 20 DE JANEIRO DE 2022

O ano letivo de 2022 nos espera, entretanto será necessário voltar o olhar para o percurso vivenciado no biênio 2020-2021

#Agricultura | 09 DE DEZEMBRO DE 2021

O D. Helder Câmara é um programa de ações referenciais de combate à pobreza e apoio ao desenvolvimento rural sustentável no Semiárido

#Agricultura | 07 DE DEZEMBRO DE 2021

Mais uma reivindicação da gestão municipal que é prontamente atendida pelo Governo Estadual.

#AssistênciaSocial | 23 DE NOVEMBRO DE 2021

Cenário Social Brasileiro Piora Apos Pandemia

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito